Palavra do Padre

Pe. Rudinei José Willers

OS MEIOS PARA O CRESCIMENTO ESPIRITUAL

Estimados paroquianos, neste pequeno artigo, gostaria de apresentar alguns instrumentos que possibilitam o nosso crescimento espiritual. Para isso, utilizo-me do pensamento do Cardeal Jorge Medina Estévez, no livro intitulado “A Direção Espiritual: para acolher Cristo na própria vida”.

Entendemos que o progresso espiritual é resultado da graça de Deus e da ação do Espírito Santo, que imprimem em nós um impulso ao crescimento na Santidade. Contudo, o crescimento espiritual depende também de um movimento de cooperação do nosso ser, que se abre a esta ação e graça. Podemos comparar a vida espiritual como um laboratório cujo o “produto” é a santidade, ou seja, uma vida totalmente consagrada a Deus e orientada à sua santa vontade.

Para que isso aconteça, temos a necessidade de instrumentos aptos, que nos ajudem neste caminho. Apresento aqui alguns elementos:

1º A leitura da Palavra de Deus, das Sagradas Escrituras. Nela encontramos a história daquilo que Deus fez para nos salvar. Essa história constitui a nós um encorajamento e uma garantia de que Ele nos ama;

2º Os mandamentos da Lei de Deus, iluminados com as exigências internas, evidenciadas por Jesus no sermão da Montanha (Mt 5,1ss);

3º O exercício das virtudes teologias da fé, da esperança e da caridade e das virtudes cardeais da prudência, da fortaleza e da temperança;

4º A prática da oração, em primeiro lugar na sua forma litúrgica, mas também na sua forma não litúrgica, como, por exemplo, o Santo Rosário, a Via-Sacra e as devoções aprovadas e recomendadas pela Igreja;

5º A recepção dos Sacramentos, especialmente a participação na Santa Missa, recebendo dignamente e com devoção o Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, bem como do Sacramento da Reconciliação;

6º A prática do exame de consciência para descobrir aqueles aspectos da vida, condutas e omissões, que não são coerentes com o ideal evangélico;

7º A prática da ascese, isto é, o controle dos aspectos desordenados ou excessivos, para robustecer o vigor espiritual e fazer com que os frutos do Espírito prevaleçam sobre as tendências da carne;

8º A leitura de livros espirituais, vida dos santos ou escritos de pessoas que tenham sido exemplares na sua vida espiritual e que tenham comunicado experiências em obras que nos encorajem na busca do crescimento espiritual;

9º A participação em exercícios espirituais ou retiros, tempos de oração mais contemplativos, que facilitam a escuta da Palavra de Deus e seus clamores para nossa vida;

10º A direção espiritual, que nos ajuda a discernir a vontade de Deus e encontrar caminhos para a santificação.

Iluminados pelo ideal de Cristo, possamos buscar por este caminho a vivência plena do projeto de Deus em nossa vida. Que sejamos cristãos atentos à vontade de Deus e abertos à sua graça santificante. Tenhamos coragem de trilhar um caminho iluminado que nos conduz à verdadeira alegria de coração. Deus os abençoe!

 

Pe. Rudinei José Willers
Vigário Paroquial da Paróquia Santo Antônio de Pádua

NOTÍCIAS
Dom Edgar anuncia transferê...

Nesta terça-feira, o Bispo Dom Edgar anunciou publicamente as transferências dos Padres...

Tempo do Advento

Neste dia 29/11 iniciou-se o Tempo do Advento. "Cuidado! Ficai atentos, porque não sabe...

Em julho, Francisco pede ao...

“A família tem que ser protegida”: é a premissa do Papa Francisco ao pedir a oração dos...

Covid-19: Novas Orientações...

Kit para a Trezena da Paróq...

Adquira seu kit na secretaria da Paróquia Santo Antônio de Pádua para acompanhar as mis...

Programação da Trezena de S...

Neste dia 31/05 se dará início a Nossa Trezena, com 13 noites de celebração, com muita ...

(46) 3536-1108
Rua Prudente de Morais, 628. Cx 38, Centro
85660-000 - Dois Vizinhos - Paraná
santoantoniodoisvizinhos@outlook.com
© 2020 Paróquia Santo Antônio de Pádua - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual